Mariana Durães

Gastronomia
Mariana Durães
Chef de cozinha, apaixonada pela Gastronomia e por seus sabores, é responsável pela coluna mais saborosa do Jornal Ita News! Acompanhe nas redes sociais e pelo site, eventos, curiosidades sobre o mundo culinário, receitas e muito mais!
www.chefmarianaduraes.com
Facebook: Chef Mariana Durães (www.facebook.com/chefmarianaduraes)
Instagram: chefmarianaduraes
Email: marianaduraes@gmail.com

Food Trucks: A nova onda da comida de rua se espalha pelo Brasil afora!No último fim de semana aconteceu na Praça de Eventos Zico Campolim, o 1° Food Truck Festival! Diversos caminhões com as mais variadas (e deliciosas) opções de comida, além de música, brinquedos para as crianças e a presença do itapevense em peso! Estive presente em dois dias, conversei com os proprietários dos caminhões que ficaram muito satisfeitos com o sucesso do evento.

Mas você conhece a história destes caminhões de alimentos ou food trucks?

A comida de rua vendida em caminhões já é comum nos Estados Unidos desde o ano de 1872, data que surgiu o primeiro food truck na cidade de Providence. O dono, Walter Scott vendia tortas e sanduíches para trabalhadores de fábricas. Os operários precisavam de comida rápida e barata e os sanduíches eram uma boa opção. Até o começo dos anos 2000, a comida dos food trucks era considerada de baixa qualidade. Isso mudou com a crise econômica americana de 2008, onde vários restaurantes foram fechados e os chefs resolveram investir seu conhecimento na velha modalidade de fazer comida.

A febre dos caminhões chegou ao Brasil em 2012 e tomou conta das ruas. Grande parte dos estados do país tem seus caminhões de comida. O principal atrativo para os proprietários é o preço, em torno de R$ 250 mil reais, bem menor do que o investimento em um restaurante físico. Além da mobilidade em “buscar” o cliente onde ele estiver!

O volume de empreendimentos cresceu tanto que hoje em dia existem diversos food parks, encontro de vários food trucks, que passaram a fazer parte do roteiro turístico do país e ótima opção de negócio. Cada estado, pouco a pouco, cria e adéqua às leis a essa nova mania nacional que chegou pra ficar!

Através de mídias sociais, aplicativos ou sites é possível ter acesso ao cronograma dos locais onde o food truck estará, além de cardápios, promoções, eventos ou qualquer alteração no menu ou local. Tudo em tempo real. Viva a tecnologia!

O interessante neste tipo de comércio é o acesso a diferentes culturas gastronômicas em um único lugar! Isso é fantástico! Desmistificar a historia de que alta gastronomia é para poucos. Nos caminhões é possível degustar massas frescas da melhor qualidade, ceviche peruano, tacos mexicanos, comida brasileira legítima, hambúrgueres magníficos, sem contar na infinidade de pratos da confeitaria como crêpes franceses, churros espanhóis, gelatos italianos e até vinhos dos mais diversos países do mundo! E o melhor, pagando pouco por isso!

Voltem logo food trucks! Foi ótimo!

 

Capa da última edição

capa IN

Curta-nos no Facebook