Mariana Durães

Gastronomia
Mariana Durães
Chef de cozinha, apaixonada pela Gastronomia e por seus sabores, é responsável pela coluna mais saborosa do Jornal Ita News! Acompanhe nas redes sociais e pelo site, eventos, curiosidades sobre o mundo culinário, receitas e muito mais!
www.chefmarianaduraes.com
Facebook: Chef Mariana Durães (www.facebook.com/chefmarianaduraes)
Instagram: chefmarianaduraes
Email: marianaduraes@gmail.com

Colomba Pascal: Curiosidades sobre o pão que está presente em toda Páscoa Pão italiano de massa leve, perfumada com raspas e pedacinhos de laranja cristalizada, tem formato de pomba e cobertura de amêndoas, clara, açúcar e laranja, hummm...que delícia! Eu, particularmente, adoro colomba pascal! Assim como no Natal, fico aguardando ansiosamente a primeira fornada de panetones, na Páscoa é a mesma coisa.

O que me fascina na gastronomia é a história por trás de cada ingrediente ou prato! Isso é fantástico! E com a colomba pascal não poderia ser diferente!

Segundo a lenda, o Rei Alboino, que governou a Lombardia no sécculo VI, tomou a cidade de Pavia e estava decidido a queimá-la, quando um padeiro, com seu pão doce em formato de pomba da paz, amenizou o furor do rei e dissuadiu de prosseguir com a guerra. Era véspera do feriado de Páscoa, do ano de 572. A partir daí, a colomba pascal passa a ser presença obrigatória nas mesas em toda Páscoa, como símbolo de paz!

A massa, aerada e leve, é bem parecida com a do panetone, mas em proporções diferentes. Hoje em dia, assim como os costumes, existem mil e uma receitas de colomba pascal, com brigadeiro, doce de leite, chocolate, enfim, mas a original é feita com fermentação natural, levain e raspas e pedaços de laranja cristalizada na massa. Recebe uma calda de açúcar com amêndoas antes de ir ao forno. E o mais interessante, após assada, precisa ficar de ponta cabeça até que esfrie, do contrário, afunda. A culinária e seus segredinhos! Este fantástico pão doce costuma ser compartilhado em vários países europeus, especialmente na Itália, no café da manhã de Páscoa e da “Pasquetta”, a segunda feira de Páscoa.

Infelizmente, muitos pratos são consumidos sem sabermos da sua história ou do seu significado, que vai muito além do mundo capitalista e comercial de hoje em dia! No passado, um pão doce, em formato de pomba, foi símbolo de paz promovida por um simples padeiro cansado de ver seu povo sofrer!

Viva a Páscoa!

 

Capa da última edição

capa IN

Curta-nos no Facebook